O papel de um Gerente de Salão de Beleza

fev 10, 2015   //  por admin   //   Blog  //  Comentários desativados em O papel de um Gerente de Salão de Beleza

A Administração(daí com letra maiúscula) é fundamental em todo o empreendimento que busca o fortalecimento e o crescimento. A Administração é uma área de estudo que reúne subsídios de algumas áreas como: Economia, Psicologia, Sociologia, Direito, Estatística, Tecnologia da Informação, Engenharia e outras. É uma matéria síntese de natureza eclética e sobre a qual recai a função de estudar o conjunto de fatos e fenômenos que interferem direta ou indiretamente no equilíbrio das organizações humanas sistematizando propostas de ações orientadas por objetivos e tomando decisões para que este equilíbrio seja mantido.

O Gerente é o Administrador de um empreendimento, inclusive  em um Salão de Beleza. Já pelo conceito é possível compreender com mais clareza o motivo pelo qual  a gestão tem se apresentado com um fator de restrição ao desenvolvimento do segmento. Poucos Salões surgem de uma decisão empresarial. Frequentemente eles surgem a partir da necessidade de uma pessoa gerar renda. Então a Administração historicamente não é o foco de desenvolvimento deste negócio.

O que faz um gerente de Salão de Beleza

Dentro de uma visão de organização em quatro dimensões: Pessoas, Clientes, Finanças e Processos, é possível identificar uma parte das tarefas de um Gerente de Salão, mas a ele cabe, antes, consolidar um Planejamento que oriente as ações das Pessoas, que forneça uma orientação sobre o total de Clientes a conquistar e a manter, que dimensione e faça fluir o montante de capital de giro necessário para manter o empreendimento em funcionamento, que também dimensione a estrutura de custos que permita gerar o lucro desejado e que mantenha a produção em equilíbrio, com o desenho de processos, procedimentos e produtividade compatíveis com a tecnologia disponível e a capacidade de produção das pessoas, a preços adequados para fornecer serviços e produtos que satisfaçam às necessidades dos clientes.

Esse conjunto de atribuições exige um perfil específico, que raras vezes é encontrado em um profissional que executa as tarefas operacionais em um Salão de Beleza (cabeleireiro, manicure, esteticista, maquiador). Então normalmente o que ocorre é um estrangulamento das atividades administrativas, colocadas em terceiro plano, já que o segundo é o eterno “apagar o incêndio”.

Tarefas, responsabilidades e deveres

O Gerente de Salão de Beleza precisa dominar os princípios de Administração porque é ele que consolida o Planejamento; orienta as pessoas permanentemente em relação aos objetivos individuais e coletivos fornecendo estímulos e feedbacks diários; interpreta os diversos relatórios de desempenho em todas as áreas; ajusta os custos buscando alternativas de redução sem perda da qualidade; orienta e põe em execução as ações de Marketing para conquistar e manter clientes; mede a satisfação dos clientes e realiza o pós-venda sistematicamente; controla rigorosamente o Caixa para evitar estrangulamentos; mantém o estoque dentro de um nível que atenda às necessidades da demanda com visão de restrição de custos; desenvolve ações de eliminação de desperdício; coordena a limpeza e conscientiza a equipe sobre a necessidade de observância das questões de higiene e segurança no trabalho; etc.

 A descrição das tarefas, responsabilidades e deveres de um Gerente de Salão pode ir muito além dessa lista, mas a partir dela é possível compreender a necessidade de uma pessoa que exerça esta função nos Salões de Beleza que buscam o crescimento. Sem um gerente, de fato, o limite da operação sempre será um círculo de até, no máximo, 10 pessoas e, frequentemente , menos que isto.

Comments are closed.