Respeito não acontece por acaso!

jan 7, 2015   //  por admin   //   Blog  //  Comentários desativados em Respeito não acontece por acaso!

A palavra respeito nos leva a uma profunda reflexão sobre o significado de nossas vidas. Na prática nos leva à contemplação de situações nas quais nos inserimos como seres vivos e a forma como reverenciamos e retribuímos a tudo que nos cerca, envolvendo pessoas e coisas.

Algumas situações:

  1. O respeito ao pais, quando existe, pode advir, por exemplo, da profunda gratidão dos filhos pelo que receberam, ao longo de anos, como orientação, como base educacional e como suporte.
  2. O respeito ao meio ambiente, pode advir, por exemplo, da profunda compreensão de que tudo que precisamos para viver vem dele. A água, os alimentos, o ar.
  3. O respeito ao próximo, pode advir, por exemplo, da compreensão das diferenças individuais e da aceitação destas diferenças como advindas da natureza biológica, fisiológica, química, psicológica, social, educacional, histórica e contextual de um ser humano em particular em relação a outro.  Não se podem esperar comportamentos iguais ou muito semelhantes de indivíduos (por serem indivisíveis) distintos.
  4. O respeito às leis pode advir, por exemplo, da consciência de que sem regras uma sociedade rapidamente se degenera provocando o caos.
  5. O respeito a um ser superior, pode advir, por exemplo, da crença inalienável de que há alguém com poderes supremos que podem mudar a vida das pessoas para melhor e confortá-las nos momentos de aflição.
  6. O respeito à empresa que se trabalha pode advir, por exemplo, da consciência que é dali que vem o sustento, a realização e a possibilidade de desenvolvimento pessoal.
  7. O respeito aos professores pode advir, por exemplo, da admiração nutrida por alguém disposto a orientar, pela sabedoria acumulada, pelo estímulo à reflexão e pelo apoio recebido.
  8. O respeito aos acordos pode advir, por exemplo, da compreensão que é pelo  cumprimento dos acordos que eles são renovados, desenvolvendo a confiança entre as partes.

Respeito, portanto, advém de uma reflexão sobre a nossa exígua possibilidade de existência sem os outros e sem todas as coisas que nos permitem viver. Estas situações muitas vezes não recebem nenhum valor por quem as vivencia.

 Abrir uma torneira que permite acesso à água para muitas pessoas é uma coisa óbvia, mas não é, porque para chegar a uma torneira a água passa por um longo caminho. Então, por falta de compreensão de quanto esforço é feito para “dispor de” muitas vezes não se tem nenhum respeito pela água, assim como pode não se ter respeito pelos pais, pelas leis, pelo trabalho, pelos professores e por tudo mais.

Fica claro que podemos ou não ter respeito pelas pessoas e pelas coisas, mas quando não o temos recebemos em troca a falta de respeito, o descompromisso e a degradação e por este motivo o respeito é essencial na vida de todos nós.

Comments are closed.